Doenças ocupacionais podem ser evitadas

Publicado em às 20:55.
Por Luciana Maximo

Fisioterapeuta fala dos problemas que podem ser evitados

 

 

O fisioterapeuta Pedro Paulo Rangel , especialista em dor e inflamação, falou sobre a demanda em  sua clínica, em Piúma. As doenças ocupacionais são o carro chefe: LER – Lesão por Esforço Repetitivo, Tendinite, Síndrome do Túnel do Carpo, Epicondilite, e as associadas ao Acidente Vascular Cerebral – AVC, além das vítimas de acidentes automobilísticos e moto ciclísticos.

Entretanto, segundo Pedro, muitos casos podem ser evitados com prevenção. “Todas essas doenças são passiveis de prevenção. Um exemplo é uma pessoa que tem epicondilite lateral, que trabalha usando as mãos e os dedos, como jornalistas. Se a pessoa for sedentária, não pratica exercícios, não se alonga antes de trabalhar, certamente será uma vítima dessa patologia. Isso vale principalmente para os professores, que, em sua grande maioria são acometidos pela LER e a tendinite, principalmente região de ombro”.

O fisioterapeuta citou as grandes empresas que tem a prática da ginástica laboral antes do funcionário entrar no serviço. “Tem de ter pausa para sentar, uma ginástica laboral antes de começar no trabalho, para não adquirir doenças, isso é prevenção, tem que ser feito alongamento, tem de deixar de ser sedentário e praticar algo para que o corpo funcione, para que o sangue e a linfa circulem melhor”, aconselhou.

A alimentação adequada também é essencial, afirma Pedro. “Se a pessoa não tem o hábito de ter boa alimentação é importante que procure um profissional da área como um nutricionista, um nutrólogo para saber o que pode e o que não pode, se você quer perder ou quer ganhar peso. Muitas das vezes a pessoa pratica exercício, mas come errado, fora de hora, não tem horário para nada, isso faz com que as doenças venham também, não só por conta da falta de exercício”, disse.

Pedro Paulo assegurou que a maior demanda dele é mais por falta de prevenção. “A pessoa tem problemas com a epicondilite, coluna, joelho, às vezes uma pessoa que faz uma pedalada e não se alonga. A questão do AVC é muito covarde, vem sem te avisar. Mas é possível prevenir através de exercícios, se você não se cuida, qualquer doença vai te pegar. A saúde de prevenção”, finaliza o fisioterapeuta.

 

 

 

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*