Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home2/esnotici/public_html/wp-content/themes/esnotici_layout/single.php on line 11

Olimpíada de Língua Portuguesa

Publicado em às 23:37.
Por

AlunosOlimpíada a Olimpíada adada Olimpíada adadaq Olimpíada ãlda Olimpíada amdnada Olimpíada apiapi Olimpíada bc Olimpíada bete Olimpíada cadad Olimpíada çakdakdaç Olimpíada çaldçakdça Olimpíada çlçlçlç Olimpíada çlda Olimpíada d Olimpíada dahjkahd Olimpíada dajda Olimpíada de Olimpíada fs Olimpíada hadahy Olimpíada jana Olimpíada mandma Olimpíada mn Olimpíada paepqa Olimpíada qpiepqieq Olimpíada ss Olimpíada trtr Olimpíada vcvc Olimpíada vv Olimpíada Olimpíadadkaçkaçd 4343 Olimpíada 2 Olimpíada 5 Olimpíada 12 Olimpíada 23 Olimpíada 34

 

Um singelo evento foi realizado na noite de hoje, no Auditório da Escola Municipal Lacerda de Aguiar em Piúma, a entrega dos Certificados de participação nas Olimpíadas de Língua Portuguesa. Os primeiros lugares na classificação poema, crônica, memórias e artigo de opinião receberam medalhas, certificados e lembranças, já os alunos que participaram certificados e medalhas.

Marcou presença no evento, o secretário Municipal de Educação, Paulo Cesar Martins que parabenizou os estudantes e falou da significação do momento na vida dos alunos. Paulinho destacou que o momento é muito grandioso para o município de Piúma, pois se pode comprovar o talento na escrita dos discípulos.

A coordenadora das Olimpíadas em Piúma, a professora Janaína Calenzani explicou aos pais a importância das Olimpíadas e agradeceu a dedicação dos alunos e parabenizou os professores. Já a professora Elisabeth Bassul, pedagoga da Rede de Educação Municipal sintetizou o momento. “Hoje nós estamos contemplando os professores que foram capacitados, os que participaram e os alunos. Eles receberam medalhas e lembranças. Para nós é motivo de satisfação, como professora e pedagoga observar que nossas crianças tem um pensamento crítico e reflexivo. É motivo de enriquecimento”, ressaltou Bassul, que continuou, “o conhecimento é uma porta aberta, devemos adentrar essa porta e não ter medo de conhecer para que possamos ser livres, só o conhecimento nos liberta”, filosofou.

A pedagoga destacou a riqueza dos textos dos alunos. “A poesia, o poema, a crônica é um encantamento. Eu volto a falar da sensibilidade que eu observei e da criticidade, eu fiquei muito encantada. O nosso aluno tem um olhar critico, ele observa muito. O texto demonstra um olhar poético”, salientou.

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*