Filha do policial Batistão morre em acidente em Muqui

Publicado em às 9:21.
Por Da redação

 

Yhara era estudante de Direito, ela morreu na noite de quinta-feira, após capotar com o veículo que dirigia próximo a Muqui

A auxiliar administrativa, Yhara Macedo, 25 anos, residente em Cachoeiro de Itapemirim morreu na noite de sexta-feira, 22 depois de capotar com o veículo Ford K na chegada de Muqui. Ela era a filha do policial civil conhecido na cidade como Batistão, João Batista.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal – PRF, o veículo que Yhara dirigia perdeu o controle numa curva, ela invadiu a contramão e capotou. Ela não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Informações de uma amiga da família dão conta que Yhara saia de uma confraternização na empresa em que trabalhava em Cachoeiro e seguia para Muqui onde passaria o natal na casa dos avós. O pai teria pedido a ela que não levasse a filha de cinco anos, que a mesma seguiria com ele mais tarde, na chegada da cidade, ocorreu essa tragédia.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Médico Legal  – DML, onde foi necropsiado e liberado para sepultamento.

O corpo da jovem foi sendo velado na Câmara Municipal de Muqui de onde seguiu para sepultamento às 10h00 no cemitério da cidade. O pai está inconsolável.

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*