Jornalista se envolve em acidente no bairro Niterói

Publicado em às 11:21.
Por Da redação

A jornalista Aline das Graças Dias Cunha, 36 anos, residente no bairro Acaiaca em Piúma mais uma vez deu um susto nos pais e amigos. Envolveu-se nesta manhã em um acidente de trânsito no bairro Niterói. Ela bateu na traseira de um pálio, mas sofreu apenas escoriações.

De acordo com Aline ela seguia para o bairro Portinho, de onde iria a um churrasco, mas em frente à Rodoviária, quando seguia, na entrada da rua que dá acesso a Padaria Daré, o motorista Lindomar da Silva Abreu, 33 anos, residente no bairro Piuminas conduzindo um o Fiat Pálio, placa LCZ 9254 teria brecado, ou seja, parado rapidamente sem ter dado seta, ela não teve tempo de frear e bateu com tudo. “Ele freou na minha frente do nada para virar à esquerda, sem dar seta e eu bati na traseira. Foi tudo muito rápido, se eu tivesse correndo, eu tinha voado por cima do carro, eu nem freei, se tivesse freado tinha caído antes”, disse Aline.

A jornalista sofreu escoriações, arranhões, mas está bem, foi socorrida pelo Samu e levada ao Hospital Nossa Senhora da Conceição em Piúma onde se encontra em observação, após ter sido medicada. “Estou bem, acho que agora só tenho mais três vidas”, brincou.

Aline já sofreu dois acidentes de moto, levou um tiro em abril, teve quatro perfurações no intestino, sofreu uma picada de escorpião e dois acidentes de carros, e mais dois assaltos. “Deus tem sido maravilhoso comigo, Deus é bom. Eu bati e cai atrás do carro, se eu estivesse correndo, eu tinha voado por cima do Pálio, minha moto é grande e está inteira”, resumiu.

A reportagem tentou por duas vezes ouvir Lindomar no local do acidente, mas ele preferiu não falar nada quando percebeu que era a equipe do Jornal Espírito Santo Notícias que chegou mais uma vez no lance. O motorista nada sofreu, teve apenas prejuízos materiais.

A Polícia Militar –PM foi acionada, confeccionou o Boletim de Ocorrência – BO, tomou o depoimento dos envolvidos e liberou o motorista e a jornalista para os primeiros socorros. O caso deverá ser encaminhado a Polícia Civil – PC.

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*