Ônibus trava porta passageiros saem pela janela

Publicado em às 10:23.
Por Kennedy em Dia

O veículo fazia a linha Presidente Kennedy – Cachoeiro. Os passageiros ficaram revoltados e gravaram um vídeo

Passageiros que estavam dentro de um ônibus que fazia a linha Presidente Kennedy – Cachoeiro de Itapemirim foram obrigados a descer do ônibus pela janela após a porta travar. O coletivo, que pertence à empresa Costa Sul, saiu às 16h desta segunda-feira (22) do Litoral e o ponto final seria na Rodoviária de Cachoeiro, mas eles foram levados para a garagem onde foram transferidos para outro veículo.

Os passageiros ficaram revoltados e gravaram um vídeo do veículo estacionado na garagem, no bairro Aeroporto, em Cachoeiro. As imagens (veja vídeo abaixo) mostram os passageiros passando pela saída de emergência e descendo por uma plataforma. Ao fundo, é possível ouvir uma passageira reclamando que ela chegou a ficar quase uma hora na BR 101 esperando outro ônibus chegar após o da linha quebrar.

A técnica de enfermagem Joana Célia, 49 anos, mora em Cachoeiro e trabalha em Presidente Kennedy. Ela costuma chegar em casa às 17h30, mas, devido ao incidente, chegou às 19h. “Atrasou a viagem em quase uma hora. Tínhamos passado pela rodoviária e o ônibus passaria pela Avenida Beira Rio onde deixaria alguns passageiros. Essa não é a primeira vez que temos problema com os ônibus, mas a gente procura a empresa e eles falam que é assim mesmo e que não tem nada para fazer”, disse.

Por telefone, o gerente de operação da empresa, Marcelo Lacerda, disse que ocorreu um problema mecânico no carro. “O pistão da porta travou, provavelmente, por conta de um desgaste. Problema que não é possível ver com a manutenção preventiva. Dessa forma, ele orientou o motorista a levar os passageiros até a garagem para que eles saíssem em segurança, por uma plataforma”.

Lacerda ainda garantiu que a ação durou cerca de meia hora e os passageiros seguiram viagem em outro ônibus. “Foi a primeira vez que um problema como este ocorreu”, finalizou.

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*