FUNDESUL: Kennedy dá um salto para o desenvolvimento

Publicado em às 11:25.
Por Luciana Maximo

R$50 milhões para empreendedores de Kennedy gerarem emprego e renda

 

Atração de emprego e renda, atrair novos negócios e atividades para Presidente Kennedy, promover independência financeira da sua população, investir em melhorias das suas empresas e ampliá-las, esses são alguns pontos positivos destacados ontem, 11, pela prefeita Amanda Quinta Rangel, PSDB durante uma ampla conversa com a população, na Praça Manoel Fricks Jordão. Indubitavelmente, Presidente Kennedy dará um salto rumo ao desenvolvimento econômico nos próximos seis meses, se a Câmara Municipal compreender a importância do Fundesul para os munícipes, que, em sua maioria contam com empregabilidade na Prefeitura e dependem ainda que serviços essenciais sejam libertos dessa dependência histórica que já ultrapassa 53 anos.

A jovem prefeita Amanda olhando pra frente e preocupada com o finito dos royalties fez uma ampla explanação do Fundesul Presidente Kennedy, na tarde desta quarta-feira, 11, a população da cidade aceitou o convite e ouviu até o último momento sobre os recursos que estarão a seus pés em breve. Kennedy dá um exemplo a municípios mais velhos como Itapemirim e Anchieta a criar oportunidade para sua gente não depender apenas de uma empresa para trabalhar.

Linhas de créditos especiais

Oportunamente, o diretor de Crédito e Fomento do Bandes, Everaldo Colodete fez uma ampla explanação de como funcionará o Fundesul e as linhas de crédito. Nessa mesma ocasião, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Joselho Altoé comemorou a possibilidade dos kennedenses andarem com as próprias pernas, adquirir independência financeira e expandir os seus negócios, principalmente, vislumbrando a implantação do Porto Central nas terras abençoadas pela Nossa Senhora das Neves.

De acordo com Everaldo, diretor do Bandes, o município de Presidente Kennedy está vivendo um momento histórico e dando um salto qualitativo muito grande em dar condições para seus empreendedores terem uma oportunidade. “Seja ele pequeno, médio ou grande, ter condições de ter um crescimento, porque através do Fundesul Presidente Kennedy nós vamos ter linhas de crédito especiais, o Bandes será o gestor para oferecer aos empreendedores tanto do informal até o grande empresário do município todas as condições e orientações”, assegurou Colodete.

Vale ressaltar que, o foco do Fundesul é o desenvolvimento econômico de Presidente Kennedy, mas, aquele empresário que desejar migrar sua empresa para a cidade, também poderá utilizar as linhas de créditos com condições especiais de pagamento e com a menor taxa de juros de mercado. “Essas linhas de financiamento atendem a quem já está aqui e quem pretende vir para cá para trazer o desenvolvimento para gerar emprego renda e dar melhor condições de vida aqui para Presidente Kennedy”, frisou Everaldo.

Independência financeira aos kennedenses

A prefeita Amanda Quinta ressaltou a importância desse momento. “É a concretização do que nós estamos desenvolvendo desde o início do mandato, o governo do Estado conseguiu nos proporcionar com o Fundesul uma ferramenta legal que oportunizará todos os empreendedores de expandir o seu negócio. E aqui em Kennedy pudéssemos garantir junto com esse aporte de R$50 milhões, que os nossos kennedesenses sejam mais aproveitados do que os outros investidores. É uma satisfação única e que, se Deus quiser, com menos de seis meses, já vamos ter exemplos de sucesso e que estarão fomentando esse dinheiro. É o momento de desenvolvimento mesmo, independência financeira que todo município de pequeno porte, assim como o nosso, precisa”, disse Amanda que continuou, “nós somos muito dependentes dos recursos dos royalties que está terminando, mas graças a Deus, temos uma reserva em caixa que consegue nos garantir por alguns anos, mas não é suficiente para um município tão promissor que tem esse potencial de desenvolvimento como Kennedy tem. Essa será literalmente a independência financeira para que a Prefeitura não seja a única empresa a dar empregabilidade para essa população que tanto almeja ter sua independência”.

 

R$50 milhões para Kennedy

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Kennedy, Joselho Altoé salientou que o evento desta quarta foi a oportunidade que os munícipes tiveram de conhecer detalhadamente as linhas de crédito que serão ofertadas com os recursos do Fundesul. “Houve um aporte de R$50 milhões pelo governo do Estado que vai atender os 27 municípios da região sul do ES. Os R$50 milhões que está no projeto para a Câmara votar para Kennedy colocar no Fundo será exclusivamente para financiar atividades produtivas do município de Kennedy, e se o empresário de outra cidade trouxer o CNPJ da empresa dele para cá também terá a oportunidade de utilizar os recursos, terá que está com a sede fiscal dele aqui”.

Fundesul no Sul do Estado

O Fundesul, que terá o Bandes como gestor e operador financeiro, será um passo na direção de diminuir a desproporção sulina em relação aos municípios da região metropolitana e também em relação ao Norte do Espírito Santo, que tem o incentivo da Sudene. “O Norte já possui o benefício de estar na área da Sudene e o centro já tem uma estrutura financeira exportadora, por isso precisamos do mecanismo para incrementar a economia sulina”, afirma Aroldo Natal, diretor-presidente do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes).

Os recursos do fundo serão oriundos do Fundo de Desenvolvimento e Participações do Espírito Santo (Fundepar) e do Fundo de Desenvolvimento do Espírito Santo (Fundes), ambos sob a gerência do Bandes. Os municípios poderão também aportar recursos no fundo para que mais recursos sejam disponibilizados para empresas de diversos setores que atuam ou querem atuar na região.

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*